"E não somente isto, mas também nos gloriamos em Deus por nosso Senhor Jesus Cristo, pelo qual agora alcançamos a reconciliação." (Romanos 5:11)

terça-feira, 31 de agosto de 2010

É necessário olhar mais para o que damos do que para o que recebemos…

Quem não assistiu ou pelo menos já ouviu falar do filme “O mágico de Oz”, clássico entre os filmes e na literatura.
Os personagens chamam a atenção, pois cada um com suas limitações, se unem numa grande jornada..
Mas penso que diante das limitações que cada um enfrenta , a maior busca é a do homem lata… Ele busca um coração, o centro da vida e do amor!
Muitos caminham em busca desse ‘coração’, desse centro de vida e sentimento, que por vezes nos faltam; muitos dizem que se sentem vazios, sem sentido na vida, sem rumo ou horizonte. Sem norte…
Estão ‘enferrujados’ nas gentilezas, nos sentimentos e relacionamentos, na família, na vivência comunitária , com Deus. Sem alegria e movimento…
Precisamos entender que quando se busca o sentido da vida, é necessário olhar mais para o que damos do que para o que recebemos…
O Verdadeiro Sentido está no “Para que fui criado(a)?”
Fomos criados, no amor, com amor e para o amor! Simples assim.

Se somos imagem e semelhança de Deus, e Deus é amor, então precisamos nos transformar neste ser que sabe amar e ser amado.
É uma grande jornada! Nenhum de nós consegue, de um dia para o outro…
E na jornada da vida acabamos por descobrir, assim como os outros personagens e assim como o homem de lata, que o amor que buscava já estava presente dentro dele. Era já imbutido, era natural, ele só precisava descobrir…
Precisamos tirar as ferrugens, deixar de ranger e isso é possível quando nos importamos mais com os outros; quando cremos na presença de Deus em nós e no irmão; quando reagimos perante as dificuldades; quando não murmuramos mas agradecemos por tudo; quando espalhamos fé e esperança; quando amamos a família; quando nos aproximamos dos sacramentos…
São tantas as maneiras de redescobrir que dentro de nós está o coração e o amor que buscamos, porque foi ali que Deus quis morar!
Foi uma grande descoberta, uma ‘conversão’ para o homem de lata… Espero que seja assim para mim e para você!

1 comentários:

Rose 2 de setembro de 2010 16:45  

Olá!
Que bacana seu blog!
Que Deus te abençoe sempre! Gostei das postagens!
Seria um prazer te-la como amiga no meu blog:
http://rose-brytto.blogspot.com
Vivendo pela fé!
Um abraço!